RESIDÊNCIA EM VINHEDO

Projeto de residência 100% Sustentável, seguindo os princípios de Bio Arquitetura, com aproveitamento máximo de luz e ventilação natural, varandas de proteção contra o sol, reaproveitamento de água, biodigestor, aquecimento solar e geração de energia elétrica com placas fotovoltaicas. 


A casa se organiza em três blocos (hóspedes, social e íntimo), destacados entre si para diminuir o impacto visual e integrá-la à paisagem. 

A residência se acomoda de forma linear nesse terreno longo e estreito, com os ambientes lado a lado, todos recebendo luz direta e desfrutando da belíssima vista. As varandas foram calculadas para permitir a entrada do sol apenas nos meses de inverno, evitando o superaquecimento no verão. 


Dessa forma, ao invés de seguir a solução convencional de voltar a frente da casa para a rua e as costas para um enorme quintal, segregado e sem uso, demos um aproveitamento muito melhor ao terreno criando vários pontos de interesse, visíveis e de fácil acesso a partir da casa. 


Esse diálogo não só integra o terreno à residência (e vice versa) como amplia o horizonte interno dos ambientes, permitindo áreas construídas mais compactas e, portanto, com menor custo. 
Residência em Vinhedo. 

Janelas altas tiram proveito da diferença de inclinação do telhado e criam saídas para o ar quente em todos os ambientes. 


Cozinha e lavanderia abrem-se para o jardim posterior com acesso direto à garagem e à horta. Uma pequena mesa/copa externa permite refeições do dia a dia ao ar livre. 

 

A suíte principal no extremo da casa, resguardada, longe da rua, ganha uma segunda janela, além da varanda, que a integra ainda mais a paisagem ao inferior da casa. 
 

O bloco dos dormitórios se descola do bloco social, diluindo a construção dentro da paisagem. 
Grandes painéis de vidro no corredor posterior reforçam essa permeabilidade e criam vistas no percurso entre a entrada da garagem e a área social. 


Salas de estar e jantar ganham inusitadas janelas próximas ao chão que trazem o jardim para dentro do ambiente sem perder áreas úteis de parede. 

Os setores da casa tomaram forma de blocos distintos: garagem, dormitórios de hóspedes, estar/ jantar/ cozinha, escritório e suíte principal. A sequência da edificação se reafirma no paisagismo ao usar a piscina como transição entre a rua e o núcleo íntimo, estendido à área externa através de um Deck. Esse é o elemento que faz a articulação com a metade posterior do lote, com a topografia e vegetação preservadas, criando um acesso direto ao terreno com áreas livres para recreação, uma estufa de jardinagem, uma horta e um despretensioso estar entre as árvores. Essas pequenas intervenções vão se diluindo em meio à vegetação existente até que não se perceba mais o que é o projeto e o que é natural. 

A sala de estar expande-se para a frente numa varanda coberta com piscina, contando com acesso direto ao terreno, e para o fundo na cozinha e área de serviço. 


O bloco social faz o papel de articulador dos espaços da casa ao criar vários caminhos e conexões possíveis e úteis, enquanto que o bloco de hóspedes e a piscina criam uma barreira entre a rua e o núcleo íntimo e protegido da casa. 

Projeto: Fábio Frutuoso

Paisagismo: Alexandre de Carvalho

Imagem: Caio Paula

Mostrar Mais

Projetos presenciais:

São Paulo e Interior

Projetos a distância:

Brasil e Portugal

Associado à

logo%20por%2B_edited.png

contato@fabiofrutuoso.com.br

Fone/ Whastsapp: 11 3280 7941

São Paulo

Av. 9 de Julho, 4939, 141-A,

Itaim Bibi

RES. EM VINHEDO_FABIO FRUTUOSO

O bloco dos dormitórios se descola do bloco social, diluindo a construção dentro da paisagem. Grandes painéis de vidro no corredor posterior reforçam essa permeabilidade e criam vistas no percurso entre a entrada da garagem e a área social. Salas de estar e jantar ganham inusitadas janelas próximas ao chão que trazem o jardim para dentro do ambiente sem perder áreas úteis de parede.